segunda-feira, 28 de dezembro de 2015

COMO PARAR DE ABSORVER ENERGIAS NEGATIVAS DE OUTRAS PESSOAS


COMO PARAR DE ABSORVER ENERGIAS 
NEGATIVAS DE OUTRAS PESSOAS

A empatia é a capacidade de reconhecer e sentir as emoções de outras pessoas. Simpatia, sentir compaixão por outras pessoas. Muitas vezes para ser um “empata” significa que você estará absorvendo grande parte da dor e sofrimento em seu ambiente, o que pode sacrificar sua capacidade de se expandir a um nível mais elevado.

Se você convive frequentemente com uma pessoa negativa, você sabe o quão tóxica a sua energia pode ser. Aprender a não absorver as energias de outras pessoas é uma grande habilidade espiritual a se desenvolver. Aqui estão cinco maneiras de parar de absorver a energia negativa de outras pessoas.

1) Lembre-se, você não pode agradar a todos

Se alguém lhe assediar moralmente, reclamando sobre você, ou desrespeitar você, não faça de sua missão tentar convencer essa pessoa a gostar de você. Isso só vai sugar você ainda mais o seu campo de energia e vai fazer de você energeticamente dependente da opinião deles.

Nem todo mundo vai gostar de você. Todos estamos, aqui na terra, vivendo com um propósito diferente. Ao amar a si mesmo em primeiro lugar, você irá criar um campo de força em torno de outras pessoas que irá protegê-lo de ser tão esgotado por suas opiniões.

Também lembre-se: você não pode mudar ninguém. Não faça de sua missão tentar corrigi-los nesse momento também. Às vezes, a melhor coisa que você pode fazer é não tentar mudá-los, pois, agindo assim, você não vai alimentar a energia que eles estão projetando em você.

2) Tenha cuidado com quem você convida para a sua vida

Seu corpo, sua mente e o seu ambiente são o seu templo. Quem você está convidando para eles? É um convite aberto? Será que as pessoas ainda limpam os pés antes de caminhar ao redor deles, ou arrastam-lhe a lama de sua alma?

No Brasil existe uma gíria chamada folgado. O significado direto é “solto” ou “preguiçoso”, mas que realmente significa “freeloader”. Não é exato no Inglês equivalente pois é mais uma mentalidade do que um estilo de vida.

Se você dá a uma pessoa um pedaço de pão, um dia, eles vão pedir pão todos os dias. Se você deixar alguém ficar em sua casa para um fim de semana, então eles vão tentar ficar a semana toda (ou duas!).

Uma vez eu pensei que minha esposa estava ficando fria e com um espírito mesquinho para com alguns dos nossos vizinhos. Depois que eu percebi que ela estava apenas respeitando a si mesma e a sua casa! Eu valorizava sua postura e adotei o estilo como meu, a partir daí.

É ótimo ser generoso, mas há uma linha tênue a trabalhar para que você você não seja pisoteado, assim, optando por ajudar aqueles que realmente precisam. Aprenda a dizer “não” é estar bem com isso.

3) Parar de prestar atenção

Um parasita precisa de um hospedeiro para sobreviver. Quando você presta atenção em alguém, você está dando-lhe energia. Ou seja, se você se concentrar em vampiros de energia, eles vão entrar em sua mente e vão roubar seus pensamentos, diminuindo drasticamente seus níveis de energia.

Algumas pessoas vão despejar sua energia em você e então dirigir para o próximo “pit stop“. Um ouvido amigo pode ser uma coisa maravilhosa, mas é, necessariamente, uma linha que precisa ser cuidado se se quiser manter a saúde de sua energia.

Talvez você encontrou-se como uma fonte de uma pessoa para retransmitir as suas frustrações no trabalho, um relacionamento ou mesmo realizações bem-sucedidas. Todas estas emoções podem drenar você de várias maneiras e fazer com que você comece a limitar a sua própria vida de maneiras não produtivas.

Ame-se o suficiente para ajustá-los, dizer-lhes para parar, ou dizer-lhes que você não pode lidar com isso agora. Não economize em rejeitar sua energia tóxica.

4) Inspire natureza

Vá para a natureza meditar, relaxar e respirar.
Purifique a água dentro de você, exercite e flutue fácil.

Esteja como uma borboleta, flutue suavemente, mas mova-se rapidamente. A respiração aumenta a circulação do fluxo sanguíneo ao redor do corpo e ajudará a evitar que você absorva a energia daqueles que o rodeiam. Caminhe com confiança, mantenha a cabeça erguida e não permita que ninguém faça você se sentir inferior. A lagarta come tudo em torno dela e se torna gorda, imóvel.

Deve-se primeiro tornar-se luz, a fim de voar.

5) Tome 100% de responsabilidade por seus pensamentos e emoções

Como você se sente é 100% sua própria responsabilidade.
O universo está enviando pessoas para a nossa vida para nos testar.
A percepção que temos de nós mesmos é maior do que a percepção que os outros têm de nós.

Você não é uma vítima, ninguém tem poder sobre você.

Considere como seus pensamentos ou expectativas podem ter manifestado a situação que está incomodando você. E se a resposta estiver dentro de seu nível de paciência, irritabilidade ou compaixão? A menos que tomemos um tempo para nos observar, nós inconscientemente afirmamos nossa própria vitimização para o mundo que nos rodeia.

Uma vez que você se torna responsável pela maneira que você escolhe responder a algo, você se conecta com você mesmo a um nível mais profundo. Quando você está conectado a si mesmo a um nível mais profundo, você começa a não ser abatido nem projetado para fora de seu centro tão facilmente.

Coloque-se em situações que aumentam as suas próprias energias.

Esta pessoa faz com que você se senta bem?
Você faz essa pessoa se sentir bem?

Você é merecedor de uma experiência brilhante e é hora de perceber isso!
Aprenda a proteger-se contra as energias de outras pessoas e comece com o amor-próprio.

Lembre-se de que é importante para você estar feliz e em paz.
Esteja pronto para dizer não.

Você é o autor de seu próprio estado energético.

Por favor, respeite os créditos ao compartilhar
http://stelalecocq.blogspot.com/2015/12/como-parar-de-absorver-energias.html
Fonte: Alegria Sempre
SPIRIT SCIENCE AND METAPHYSICS – Traduzido pela Equipe de O SEGREDO

Leitura sugerida - "COMO DEIXAR DE ABSORVER AS EMOÇÕES NEGATIVAS DE OUTRAS PESSOAS"

Extraído de: http://stelalecocq.blogspot.com

AGRADEÇA SEU PASSADO


AGRADEÇA SEU PASSADO
Por Gustavo Tanaka


Às vezes você se arrepende de ter feito algumas coisas no passado. Talvez você tenha se arrependido de ter tomado uma decisão lá atrás. Talvez esteja se punindo por ter perdido tanto tempo da sua vida, quando poderia estar fazendo outra coisa.

Mas te digo uma coisa (que você já sabe e vai se lembrar):

Não existe algo como tempo perdido, ou atividades em vão.
Tudo tem um propósito e tudo acontece exatamente como deve ser.

Tudo o que você passou e tem passado deveria acontecer.
Aceite isso e pare de se cobrar. Pare de se punir.

Está tudo bem.

Você fez o certo. Você fez o que deveria ter sido feito.
Você teve que passar por tudo isso para chegar onde está hoje.

Se você tivesse feito diferente, você seria outra pessoa.
Você seria uma pessoa diferente de quem você é hoje.
E é impossível sermos alguém diferente de quem nós somos.

Você é a soma das suas experiências.
Você é o resultado de tudo o que já fez.

Aceite, e mais que isso, honre seu passado. Agradeça por tudo que a vida te colocou. Agradeça por todas as escolhas, por todas as pessoas com quem teve que conviver, por todos os desafios, todas as dores.

Tudo foi orquestrado para o seu desenvolvimento.
Você teve que passar por isso.

Seu passado ainda vai te ajudar muito.
Você ainda não sabe como, mas ele será útil.
Nada é em vão.

E à partir de hoje, encare tudo com um novo olhar.
O olhar de que hoje é um excelente dia para começar.

Não existe o fim.
Não existe o meio.

Tudo é o começo.

Agradeça seu passado e comece de novo hoje.

Por favor, respeite todos os créditos ao compartilhar
http://stelalecocq.blogspot.com/2015/10/agradeca-seu-passado.html
Gustavo Tanaka - facebook
http://gustavotanaka.com.br/agradeca-seu-passado/
Extraído de: http://stelalecocq.blogspot.com

PERDÃO SEM ARREPENDIMENTO


PERDÃO SEM ARREPENDIMENTO
Por Jennifer Hoffman
28 de Dezembro de 2015

É o final do ano e que ano tem sido! Desde a perda de entes queridos a avançarmos lentamente ao longo de nossa jornada da ascensão, ou assim pareceu, às vezes, estamos terminando o ano em um espaço bem diferente de onde partimos. Assim, é hora de contarmos as nossas bênçãos, reunirmos a nossa coragem e nos prepararmos para novos inícios.

No final do ano eu revejo os artigos que escrevi nos últimos 12 meses e escolho os meus favoritos, que eu irei compartilhar com vocês ao longo dos próximos dias.

O primeiro realmente compreende dois artigos: Como perdoar sem arrependimentos e um relacionado com o perdão versus redenção.

O primeiro artigo mostra como perdoar sem arrependimentos, cortando também as ligações cármicas e chegando ao encerramento total.

O segundo artigo, acessado através do primeiro, discute a diferença entre o perdão e a redenção. Com o perdão, queremos liberar a energia emocional. Com a redenção, queremos um pedido de desculpas e o reconhecimento do nosso sofrimento.

Querer a redenção faz com que o perdão seja difícil, se não, impossível, porque geralmente queremos um pedido de desculpas de alguém que, provavelmente, nunca fará isto.

Mas há uma maneira de resolver tudo isto e é preciso coragem e uma visão para o que queremos.
Se a falta de perdão os retém, o que é preciso para abrir mão desta coisa?

Criem esta visão e o perdão, liberem, e o fechamento se tornará mais fácil.

Temos um padrão energético muito incomum nesta semana, pois todos os planetas em nosso sistema solar estão em movimento direto, uma vantagem que não tivemos em muitos anos. Assim, tirem os seus sonhos do esconderijo e comecem a manifestação. Velocidade total à frente agora!

PERDÃO SEM ARREPENDIMENTO

Estava pensando hoje sobre o perdão e como é um assunto sobre o qual é difícil de falar, considerar e agir. O que achamos que temos que perdoar é geralmente algo que é difícil de liberar. As pessoas podem fazer coisas terríveis para o outro e há coisas que achamos que são imperdoáveis, se encararmos o perdão como um indulto ou uma absolvição, como se o que eles fizeram não fosse importante, ou não importasse para nós.

Porque importa e muito.

As coisas que pensamos que deveríamos ou devemos perdoar são aquelas coisas cuja memória permanece conosco por um longo tempo. Lembramo-nos da dor que os outros nos causaram e não importa há quanto tempo isto aconteceu, a memória pode evocar sentimentos que ferem tanto quanto quando a situação aconteceu.

Mas assim não é encarar o perdão da maneira “certa”, pois além das emoções que abrigamos em relação a estas situações, há outra maneira mais poderosa de encararmos o perdão e esta é a partir de um ponto de vista energético.

O perdão se trata principalmente de energia. Claro que há inúmeras emoções em torno dele, mas a decisão de perdoar é uma escolha de liberarmos as emoções e o controle energético que ele tem sobre nós.

Pensem em algo que alguém lhes fez e que realmente os aborreceu – foi algo indelicado, cruel, desatencioso, deliberadamente prejudicial e lhes causou muitos danos? Como se sentem agora? Podem ainda recordar cada detalhe?

Esta é a energia emocional que esta situação tem e é provável que vocês estejam se sentindo magoados, irritados, zangados, envergonhados e muito emotivos, quando se lembram das ações desta pessoa ou desta situação.

Por exemplo, lembro-me da primeira vez que um rapaz me magoou de uma maneira muito pública e humilhante. Eu tinha 16 anos. Hoje, não consigo me lembrar do seu rosto, ou do seu nome, mas me lembro como me senti infeliz e isto aconteceu há mais de 40 anos.

Estas emoções carregam uma energia muito forte e porque, geralmente, elas envolvem situações difíceis que recordamos por muito tempo, elas têm um impacto poderoso e duradouro em nossas vidas.

Quantas vezes vocês disseram que nunca mais iriam permitir que alguém os magoasse novamente, ou que ninguém mais iria se aproximar de vocês, por causa de algo que lhes aconteceu?

O que vocês acham que está sendo afetado em sua vida por estas crenças e sentimentos?

Muito mais do que pensam.

O Perdão não é uma absolvição, ou um indulto. Ele não torna algo “bem” e nem diminui ou remove a responsabilidade de outra pessoa pelo próprio comportamento.

O que ele faz é permitir que vocês se libertem de sua bagagem emocional, da mágoa e da raiva que limitam a sua vida, e assim, permite-lhes que sigam em frente.

E há uma maneira de fazer o perdão, que os impede de sentir que vocês estão permitindo que alguém “escape” do mau comportamento. Em vez de dizer “Eu o perdôo”, digam: “Eu perdôo a nós dois”. E há uma razão importante para isto.

Em meu Livro: “Trinta Dias com Milagres Diários”, eu falo sobre ser responsável pela sua realidade. Vocês criam tudo em sua vida e são responsáveis pela sua presença. Por que vocês criam situações dolorosas? Isto tem a ver com as suas lições de vida, com o seu propósito de cura e com o carma.

Em várias décadas, proporcionando orientações intuitivas para a vida dos clientes, tenho visto exemplos de coisas terríveis que podem ser feitas às pessoas pela família, companheiros, conhecidos e amigos. E tão terríveis como foram aquelas coisas, elas foram parte da jornada da vida que eles escolheram para si mesmos.

Quando eles reconhecem a responsabilidade pelo seu caminho de vida e tomam o comando dela, eles têm o poder de mudá-la.

Se vocês não assumem a responsabilidade pelo que está em sua vida, por tudo o que há nela, vocês não podem também agir para mudá-la, porque o poder que vocês usaram para criar esta realidade, é o mesmo poder que vocês usarão para criar uma realidade diferente.

Ao reconhecerem a sua responsabilidade por tudo em sua vida, vocês também reconhecem o poder que têm de escolher um caminho diferente na vida.

Caso contrário, vocês estão culpando alguém pela sua vida e dando o seu poder a ele

Ou estão esperando que ele, em um momento de amor e de inspiração, desculpe-se pelo seu comportamento e lhes diga que ele está arrependido. Isto é buscar a redenção, não o perdão, e pode ser uma estratégia muito decepcionante.

Como vocês perdoam sem se sentirem fora do controle?

Ao dizerem: “Eu perdôo a nós dois”, em vez de: “Eu o perdôo”, quando fazem um exercício de perdão. E ao dizerem “nós” em vez de “você”, vocês removem as conexões energéticas que existem entre vocês e esta pessoa e situação, mantêm o seu poder intacto, assumem a responsabilidade e não entregam o seu poder. Vocês também se dão o encerramento, que é algo que somente vocês podem criar em sua vida.

Eis aqui como funciona:

Imaginem alguém que os feriu de alguma maneira, e pode ser qualquer um em sua vida. Vocês não têm que se ligar às emoções, mas podem, se sentirem que é necessário. Quando vocês o estiverem vendo a sua frente, imaginem um cordão que vai de vocês até ele, que mantém a energia da situação e todas as emoções em torno dela.

Agora, olhem para ele no olho, e digam: “Eu perdôo a nós dois”, com a intenção de remover esta conexão, dissolver o cordão de ligação e liberar todos os aspectos da situação que existem entre vocês.

Vocês podem precisar fazer isto várias vezes com alguém, até que realmente sintam a liberação, mas, eventualmente, serão capazes de pensar nesta pessoa ou situação, sem que se sintam irritados ou perturbados. E, também, serão capazes de parar com o alastramento destas emoções para o resto de sua vida.

Quando eu ajudo os clientes a trabalharem com este problema difícil e eles expressam a sua tristeza, raiva e frustração de como eles foram tratados tão mal, eu concordo com eles que é uma coisa horrível de terem experienciado.

Mas, então, eu lhes pergunto por quanto tempo ainda eles querem continuar a se sentir assim, porque até que eles estejam dispostos a liberar esta energia, ela continuará as sugá-los, roubando-lhes a sua alegria e a sua paz.

O perdão não é uma absolvição: é uma desconexão e para nos reconciliarmos com o perdão, devemos encará-lo desta forma.

E, caso precisem, façam dele um processo inteiramente egoísta, algo que façam para si mesmos, sem considerarem as necessidades de qualquer pessoa.

Se quiserem se sentir melhor, mais felizes, mais completos, mais realizados e em paz, então, perdoem, (ou se desconectem), de todas as pessoas e situações que, energeticamente, interferem em sua alegria.

Por favor, respeite os créditos ao compartilhar
http://stelalecocq.blogspot.com/2015/12/perdao-sem-arrependimento.html
Site original: www.enlighteninglife.com 
Tradução de Regina Drumond Chichorro – reginamadrumond@yahoo.com.br
Grata Regina!

Extraído de: http://stelalecocq.blogspot.com

VOCÊ PODE MUDAR SEU FUTURO


VOCÊ PODE MUDAR SEU FUTURO
Karen Berg

Abrahão foi um dos maiores astrólogos de todos os tempos. Baseado no que observou nas estrelas que mapeavam seu futuro, ele sabia que não teria filhos. Mas sabemos que ele teve filhos. Então, o que foi que aconteceu?

O Criador disse a Abraão: As estrelas compelem mas não impelem. 

Assim, devido à sua transformação espiritual – aos 100 anos de idade – Abraão foi capaz de mudar o curso de sua vida.

É importante saber que nós, também, podemos mudar o curso de nossas vidas.
Nem tudo que é mapeado para nós nos Céus precisa acontecer.

Está escrito que cada um de nós tem anjos, que dançam ou choram em nossa presença, mas, se eles vão dançar ou chorar, depende inteiramente das palavras e ações – negativas e positivas – que escolhemos dizer e fazer.

Por favor, respeite os créditos ao compartilhar
http://stelalecocq.blogspot.com/2015/12/voce-pode-mudar-seu-futuro.html
Karen Berg - www.kabbalahcentre.com.br 
Extraído de: http://stelalecocq.blogspot.com

quarta-feira, 23 de dezembro de 2015

O SOLSTÍCIO DE 2015


O SOLSTÍCIO DE 2015
Mensagem de Kara Schallock
22 de Dezembro de 2015

Durante este Solstício (que ocorre aqui no Horário Padrão das Montanhas: 21:48 horas), o que é mais fortalecido pela forte atividade solar, é o “retorno da Luz” (no Hemisfério Norte). Bem, nós nunca deixamos a Luz, no entanto, este Solstício nos ajuda a fortalecer ainda mais a nossa Luz.
  
Ao terminarmos este ano, deixamos ir muita escuridão, de modo que a nossa Luz possa brilhar com mais intensidade.

Este Solstício continua o trabalho que foi feito durante o Portal 11:11 e muitos deixaram ir as suas feridas, a energia de vítima, a dualidade e muito do velho. Somos convidados para entrarmos mais poderosamente em Quem somos agora; sem mais agirmos de forma insignificante.

A Luz que flui durante o Solstício irá purificar mais e nos preparar para recebermos e expressarmos mais Luz. A Purificação irá passar através de nossas células, que mantêm velhas memórias. Esta Purificação ajuda cada um de nós a receber mais Luz e isto expande a nossa essência do Amor.

A Preparação é para que possamos saudar o Novo como novo. Nós, simplesmente, não somos quem costumávamos ser. A limpeza pode parecer intensa e, no entanto, é tudo para a nossa Ascensão contínua.

A Luz que recebemos também desperta os Códigos de Luz dentro de nós. Enquanto estes despertam, qualquer coisa que precise ser liberado, irá se manifestar para que escolhamos se queremos deixá-lo ir ou esperarmos um pouco, e, talvez, dizermos: “Isto não é tão ruim. Não tenho que abrir mão disto.” É claro, é sempre nossa a escolha.

Para aqueles de nós que estamos comprometidos com a Ascensão, poderíamos notar quão verdadeiros nós somos e como pode ser muito difícil nos relacionarmos com aqueles que não estão avançando (ou pelo menos, não avançando de forma tão óbvia), como se estivéssemos vivendo em dois planetas diferentes. Bem, de certa maneira, vocês estão!

Deixem-me dizer que os dois planetas diferentes estão ambos na Terra.
Realmente, é uma consciência diferente que vocês estão experienciando.

Como exemplo, minha irmã me chamou para perguntar sobre o que estava no e-mail que lhe enviei, porque estava em branco (uma mensagem clara e definitiva). Durante a nossa conversa que foi clara, ela não entendeu nenhuma palavra que eu estava falando. Finalmente, ela desligou na minha cara, sentindo-se obviamente muito separada de mim e muito frustrada.

Tudo está em Divina Ordem.

Se houver alguma escuridão em suas células, ela pode muito bem ser liberada do seu corpo físico, o que poderia resultar em alguma dor no corpo, em uma ou mais áreas. Se isto se aplicar a vocês, falem com a sua dor e perguntem o que podem fazer para liberá-la.

Poderia ser uma resistência. Poderiam ser antigas memórias ou mágoas. Poderia ser que o seu corpo estivesse pedindo Perdão a si mesmo ou aos outros. Sigam a orientação do seu corpo. Entreguem-se e sigam o que for compartilhado, em vez de se perguntarem o que significa. Estamos entregando muito do velho, assim permitam que as águas sagradas da Alma os ajudem na liberação.

Algumas outras experiências físicas que vocês podem ter são: perturbações no sono, enxaquecas, sentir-se como se não estivessem em seu corpo, sensação de desorientação, não se recordar de coisas que aconteceram a apenas alguns minutos, coisas desaparecendo em diferentes dimensões, somente reaparecendo em algum lugar ou em outro lugar diferente, náusea, erupções cutâneas (especialmente onde estão os seus chacras), e mais.

A qualquer momento que experienciem estas ou outras coisas, é provavelmente devido ao fato de estarem recebendo novas transmissões de Luz mais expandidas e isto é intensificado pela atividade solar (tempestades e labaredas solares, etc), que está presente agora e que esteve por algum tempo.

Estas transmissões mudam a nossa consciência para um grau superior da Divindade. Sigam a sua orientação quanto a como se ajudarem. Estar na Natureza ajuda muito, além da meditação, respiração profunda e a visualização da Luz fluindo em todas as suas células e em seu DNA.

Não se concentrem nos “sintomas”. Saibam que tudo é para a sua evolução para o Divino e a fusão com a sua Alma. Há outras coisas que ajudam também, pois vocês não estão apenas liberando e transmitindo, vocês estão despertando Códigos de Luz em seu interior.

Após este Solstício, nós avançamos e nos expandimos mais ao longo da Lua Cheia de 25 de Dezembro. Assim, não apenas recebemos e mudamos durante o Solstício. Continuamos a evoluir.

Observem as diferenças em sua vida e reconheçam o quanto estão mais multidimensionais. Toda esta Luz traz uma expansão da Rede da Nova Terra, bem como ao seu próprio Vórtice Pessoal. Seja o que for que experienciem é perfeito para a sua evolução mais elevada.

Saibam que toda esta Luz traz à tona tudo o que não seja Amor... seja em sonhos ou em sua vida cotidiana. Vejam a mensagem mais profunda por trás de tudo o que experienciarem... desde a Paz Profunda, a Alegria e o Amor ao “UGH! Isto não novamente.”

Lembrem-se de que liberamos em camadas, assim a Espiral Sagrada se aprofunda mais e mais, até que seja tudo purificado para que vocês sejam Quem vocês são, que é o puro Amor sem nada que os retenham.

Vocês podem ter mais clareza sobre o seu propósito na vida, ou ele pode mudar completamente. Fluam com tudo isto. Estamos entrando em um tempo onde alguns estarão incorporando plenamente o Amor Divino. Sejam pacientes com vocês, porque não importa onde estejam ao longo do continuum. Entreguem-se ao Que É.

Vocês podem ser atraídos para determinados cristais e outros veículos da Divindade, como os Códigos de Luz. Podem ser guiados a criar uma cerimônia para se alinharem com esta grande Luz. Podem querer criar uma cerimônia neste dia e a cada dia até meados de Janeiro. Sigam apenas a sua orientação.

Muitos estão ancorando esta Luz em Gaia, o que significa que vocês podem responder à vida de uma maneira prática, mas mais elevada. Se forem guiados a passar o tempo sozinhos, façam isto, também. Não há uma maneira a ser vedada e por isto é importante que sigam sempre a sua própria orientação.

Através do nosso envolvimento e Compromisso, nós criamos uma Terra inteiramente nova. Alguns dizem que isto é um novo paradigma. No entanto, para mim, isto é muito constritivo, assim, vejam este continuum do Solstício como uma expansão da Consciência e da Percepção, em vez de tentarem colocar um rótulo nele.

Este Solstício é uma grande oportunidade para liberarem e se entregarem mais ao Fluxo. Quando o fazemos, nosso Corpo de Luz se torna mais cristalino e como diamante (multidimensional, multifacetado e claro).

Quando os nossos Corpos de Luz mudam, assim também, nós mudamos. Tornamo-nos mais e mais leves e mais conscientes. A Percepção que é fortalecida nos ajuda a ver todas as ilusões do velho mundo da 3D (e há tantas que a maioria continua a se manter no lugar). Continuamos a fortalecer a fusão do Masculino e Feminino Divino como Um.

Lembrem-se de que o seu Gêmeo não existe necessariamente no físico; fora de si mesmos.
Eles devem ser integrados interiormente, em primeiro lugar.

O masculino Divino tem certos atributos de Força, Coragem e a capacidade de Mudar.
O Feminino Divino incorpora a Gentileza, a Intuição e a Elegância.

Exigimos que todos estes atributos sejam trazidos na União Sagrada dos dois; o que capacita a Unidade e nos ajuda a soltarmos o nosso apego à dualidade. Através da União Sagrada, criamos uma Nova Terra equilibrada, que dá origem à Liberdade e à Alquimia. Abrimos mão de Convenções e Regras, abrindo-nos mais ao Amor, o que muda e flui em diferentes formas. O Amor não se destina à estagnação.

À medida que mantemos mais e mais Luz, mudamos mais no Fluxo, afastamo-nos de expectativas e apegos. Sentimos a Verdade e nela confiamos. Isto leva ao Conhecimento, o que é mais poderoso do que acreditar. Ao acreditarmos, há dúvidas. Ao conhecermos, não há dúvidas. Há somente Confiança.

Enquanto continuamos a nos “iluminarmos”, mais dons se tornam aparentes e ficamos ansiosos por compartilhá-los no Serviço Divino, uma vez que os aceitamos. Oferecemos os nossos dons, não para tirarmos o Poder de alguém, mas para oferecê-los incondicionalmente; não ligados ao que os outros fazem com que eles recebem de nós.

Com mais consciência, vocês questionam tudo em sua vida pessoal, bem como o que acontece no mundo. Vocês sabem o que é Verdade e o que é falso. Divirtam-se com tudo isto. É divertido se entreter com aqueles que vivem tão a sério e apegados ao que eles acreditam.

Enquanto observam com um sorriso, estejam cientes de que vocês conhecem a Verdade e este Conhecimento. Esta pura consciência do Amor, que cresce e se expande. É divertido estar vivo agora. Abrir mão de tentar “descobrir”, “julgar” e qualquer coisa que seja complicada.

Amor é Simplicidade.

Por favor, respeite os créditos ao compartilhar
http://stelalecocq.blogspot.com/2015/12/o-solsticio-de-2015.html
http://www.soulsticerising.com
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
Grata Regina!

Extraído de: http://stelalecocq.blogspot.com
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...